› Home  › Notícias  › Notícia

Pagamento parcelado de multas de trânsito: facilidade para o cidadão

24/09/2001

Hoje, andando pelas ruas das cidades, o cidadão percebe as facilidades de pagamentos de diversos produtos. O parcelamento é o caminho mais utilizado para se comprar um bem material. Dentro deste pensamento, em 2001, graças a uma iniciativa de Ronaldo Gontijo, Belo Horizonte foi uma das primeiras cidades do país a disponibilizar o pagamento parcelado de multas de trânsito em até quatro vezes iguais. 

Esta, sem dúvida alguma, foi uma conquista de todos, principalmente dos menos favorecidos, que têm grande dificuldade para cumprir com as obrigações de pagamentos de multas. Às vezes o cidadão é multado e só depois de um tempo que chega a notificação da multa em sua casa. Na maioria das vezes ele não contava com aquele dinheiro para quitar sua dívida e de fato acabava não pagando a multa. “Nos deparamos com diversos casos de pessoas que reconhecem o erro, desejam pagar a multa, mas não tem condições de fazê-lo de uma vez só”, afirma o autor da lei. 

De fato, depois do novo Código de Trânsito Brasileiro (CTB), as multas tiveram aumentos significativos, podendo chegar a R$ 967,69, um valor muito superior à média salarial brasileira. “É importante esclarecer que esta lei não ameniza a infração nem elimina as punições impostas pelas leis de trânsito aos infratores”, explica Ronaldo Gontijo. Em todas as notificações a BHTrans alerta para a possibilidade do parcelamento da multa.

Texto da Lei

Gabinete: Av. dos Andradas, 3100 - Sala A-301 - Santa Efigênia-BH Telefone: (31) 3555-1178. E-mail: ronaldogontijovereador@gmail.com